Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Indecisa do Costume

08.07.18

Quem sou eu ?


A Indecisa do Costume

As vezes perguntam: Quem está por trás dessas palavras, de onde vem a minha criatividade, se é tudo fruto da minha imaginação ou realmente tudo aquilo que escrevo acontece comigo. Pensando em tudo, eu resolvi apresentar-me. Muito prazer, eu sou a Rita e, não muito diferente de vocês. 
Costumam dizer que a dor cria um escritor – e como cria. 
Posso ser aquela que teve o coração partido, e hoje, está afogando as mágoas na bebida. Talvez aquela que resolveu fugir da rotina e está no mundo em busca da realização de seus sonhos. Aquela miúda que perdeu os pais tão cedo, e que não consegue nem se lembrar de seus rostos. Às vezes sou aquele casal nojento que tem a música do primeiro beijo. Outrora aquela que discutiu com a família e foi viver a vida na melhor companhia – a própria. 
Eu posso ser um pouco de cada um de vocês. Ser um pouco de tudo aquilo que já vivenciei com um pouco daquilo que já ouvi. 
Mas para dizer a verdade, sou uma simples rapariga, com um coração enorme. Uma miúda que deseja transformar toda dor em alegria. Que necessita levar sorrisos a quem está triste. Que tem como maior foco escrever textos que possa iluminar os vossos corações com algo importante que da mesma forma me iluminou a mim – todos nós temos uma missão aqui na Terra, e creio que a minha seja essa. E é esse o meu papel.
Por fim, eu tenho um sonho com tudo isto. Continuar a escrever a minha história, a tua, quem sabe até a nossa, e se não for pedir demais, fazer história. 

 

 

2 comentários

Comentar post